Por que sua empresa deveria apoiar o ecossistema local de startups
[editar artigo]

Por que sua empresa deveria apoiar o ecossistema local de startups

*por André Boaventura, gerente de marketing no EBANX

No último fim de semana aconteceu o Startup Weekend Curitiba. 54 horas de imersão, mais de 150 pessoas envolvidas, 21 equipes criando, pivotando e fazendo suas ideias sairem do papel. E em meio a crachás de organizadores, participantes, mentores e jurados, eu usava o de patrocinador.

Essa é a história do que eu, como profissional de marketing do EBANX, vivi durante esse evento incrível.

O EBANX processa pagamentos em sites internacionais, tem um modelo de negócio inovador e nasceu em Curitiba poucos anos atrás. A ligação com a cidade já seria suficiente pra apoiar ações legais que acontecem por aqui. E aí o roteiro é clássico: manda uma grana, coloca logo na camiseta e #partiuhappyhour. Dever cumprido.

Só que o espírito empreendedor contagia. E a gente achou que dava pra se envolver mais.

Começou com a distância. Quanto menor, melhor. Durante a preparação do evento, ficamos em contato direto com o Bernardo, organizador incansável. Patrocínio do Startup Weekend? Fechado. Startup Beer uma semana antes pra esquentar? Dentro. Fomos entrando no clima junto com os participantes. A gente queria realmente fazer parte. E horas antes das portas se abrirem, estávamos ajudando a arrumar mesas, deixando nossos materiais e um pouco do que acreditamos.

carta_mesa_startupweekend

Acompanhei a ansiedade do pessoal treinando pitches e trocando figurinhas sobre planos futuros. Assisti muitas ideias. E pude sentir a energia daqueles malucos que deixaram um fim de semana pra ganhar muito mais. O trabalho estava só começando.

No sábado, as ideias ganhavam forma mas o relógio corria. E foi aí que acreditar (e não só patrocinar) fez diferença. Quando a Universidade Positivo (onde acontecia o evento) precisou fechar as portas, o EBANX abriu. Preparamos um pop up coworking para as equipes virarem a noite trabalhando. Estações de trabalho, pizza, bebidas e um ambiente inspirador.

ebanx_startupweekend

A gente sabia como os participantes estariam cansados. A previsão de 7ºC na madrugada curitibana também não ajudava. Esperávamos umas 20 pessoas. Chegaram 15. Depois, mais 15. E mais 10. E mais 5. Uma hora depois, mais de 70 pessoas dominavam o headquarters do EBANX. As ideias se espalhavam por papéis, computadores, paredes. Mentores corriam de mesa em mesa. Empreendedores testavam modelos uns com os outros. Não havia sono que derrubasse sonhos.

viradaebanx_startupweekend

Nosso evento extra-oficial era um sucesso. Só faltava a cereja do bolo. Foi quando as 3h30 da manhã (com o escritório ainda muito cheio) fizemos um “tour guiado pelo EBANX”. Com as luzes apagadas, a gente pode observar o Centro de Curitiba das nossas janelas e conversar muito sobre empreender e sobre acreditar no que se faz. Foram tantas perguntas que deu pra ter certeza que a noite estava longe de acabar. Empreendedores tem bateria extra. E foi assim que muitos trabalharam até amanhecer. Até as 8h50 da manhã. O domingo prometia.

A apresentação dos pitches seria no final da tarde. Eu queria ver o resultado de todo aquele esforço. A surpresa foi que antes mesmo das apresentações, eu já tinha visto: equipes vibrando, gente esgotada e realizada, pessoas gratas por tudo que aprenderam. Vencer ou perder a competição do Startup Weekend era só formalidade. E antes de anunciarem o vencedor, fui embora. Agora sim, era dever cumprido.

Patrocinar e participar de um evento de startups foi uma experiência incrível. Se sua empresa já começou a ter lucro, você deveria tentar. Vai ser possível medir o retorno com números. Mas se eu fosse você, não deixaria de sentir o impacto lá, na fonte, na hora e na veia.

PS: Nesta sexta, 10/07, vai rolar mais um evento em Curitiba: o Startup Beer, com muito networking e um bate-papo sobre INTRAempreendedorismo. Imperdível!

COMPARTILHE
André Boaventura

André Boaventura

Diretor de marketing na EBANX

Artigos relacionados

login modal